Coordenação de Estágio

A Coordenação Acadêmica de Estágio Supervisionado é um setor responsável pela orientação, formalização, acompanhamento e validação dos estágios dos alunos vinculados aos cursos ofertados pela AESGA.  

Neste processo três partes estarão diretamente envolvidas:

  1. Educando/Estagiário
  2. Instituição de Ensino Superior (AESGA)
  3. Unidade Concedente de Estágio (empresa/órgão/ente público ou privado)


O QUE É ESTÁGIO SUPERVISIONADO?

Segundo a Lei de Estágio (Lei Federal Nº 11.788/2008, Art. 1º), o “Estágio é ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa à preparação para o trabalho produtivo de educandos que estejam frequentando o ensino regular em instituições de educação superior...”. Nesta etapa de formação profissional, o estudante vivenciará atividades práticas e específicas da profissão na qual atuará. Os estágios são componentes curriculares para os cursos ofertados na AESGA, tornando o seu cumprimento condição essencial para obtenção do diploma.

Entretanto, nem todas as atividades práticas vivenciadas por estudantes, mesmo associadas às profissões de sua formação, podem ser consideradas como estágio. A legislação estabelece regras que precisam ser observadas para realização do estágio, tais como:

  • existência de um seguro contra acidentes pessoais, em favor do estagiário;
  • carga horária máxima de atividades do estágio é de 6 horas diárias e 30 horas semanais;
  • cada supervisor (funcionário/servidor de seu quadro de pessoal da UCE), com formação ou experiência profissional na área de conhecimento desenvolvida no curso do estagiário, poderá acompanhar até 10 estagiários;
  • apresentação periódica, em prazo não superior a 6 (seis) meses, de relatório das atividades desenvolvidas no estágio;
  • período máximo para o desenvolvimento de estágio, em um mesma UCE, é de 2 (dois) anos, salvo os casos de estagiários com alguma deficiência.

Sugerimos que todos os estagiários, professores orientadores e profissionais supervisores do estágio tenham acesso a Cartilha Esclarecedora sobre a Lei do Estágio (disponível nos arquivos para download abaixo) para uma melhor compreensão sobre este ato educativo.


QUAIS SÃO AS MODALIDADES DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO?

ESTÁGIO OBRIGATÓRIO é aquele definido como tal no projeto pedagógico do curso, cuja carga horária é requisito para aprovação e obtenção de diploma. (§1º do art. 2º da Lei Nº 11.788/2008)

ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO é aquele desenvolvido como atividade complementar e opcional, acrescida à carga horária regular e obrigatória. (§2º do art. 2º da Lei Nº 11.788/2008)

No caso de estágio não obrigatório, o estagiário deverá compulsoriamente receber uma bolsa (auxílio financeiro) ou outra forma de contraprestação, bem como a concessão do auxílio-transporte. (art. 12 da Lei Nº 11.788/2008)


COMO FORMALIZAR O ESTÁGIO?

1º PASSO – Identificar o espaço de estágio com visita a UCE ou recorrendo aos serviços de agentes integradores (CIEE ou IEL) de estágio, fazendo um cadastro.

2º PASSO – Solicitar a elaboração com um Termo de Compromisso de Estágio (TCE), contrato no qual fica estabelecido às regras entre a UCE, a AESGA e o Estagiário. Esse termo deverá ser feito pela UCE ou pela Coordenação de Estágio da AESGA (solicitado via Protocolo, em formulário próprio), devendo ser acompanhado por um seguro contra acidentes pessoais.

3º PASSO – Elaborar o Plano de Atividades do Estágio Supervisionado com ciência (assinatura) do profissional supervisor (da UCE), professor orientador do estágio (da AESGA) e coordenação de curso/estágio (da AESGA).

4º PASSO – Coletar assinaturas do TCE, do Plano de Atividades e devolver a Coordenação de Estágio para cadastramento no Banco de Dados de Estagiários da AESGA, sob pena de não validação do período de estágio.


CONTATO DA EQUIPE / HORÁRIO DE ATENDIMENTO

Professor Carlos Eduardo de Oliveira (Coordenador)

Professora Helene Ferreira Cavalcanti

Discente Flaviane Vicente (Aluna Colaboradora)


Telefone: (87) 3761-1596

E-mail: estagioaesga@gmail.com

Horário de Atendimento: